Em 2011, a Sony lançou uma nova adição à sua linha de consoles de jogos: o PlayStation Vita. O PS Vita foi promovido como um console portátil de próxima geração, com gráficos incríveis, jogabilidade inovadora e uma biblioteca de jogos extensa. A Sony acreditava que este console seria a nova era dos jogos portáteis e teria sucesso na indústria dos videogames.

Infelizmente, essa não foi a realidade. O PS Vita começou a enfrentar problemas desde o seu lançamento. A primeira e mais óbvia preocupação foi o preço. O PS Vita não era barato e, a esse preço, a maioria dos jogadores preferiu comprar um console de mesa em vez de um portátil.

Outra questão que contribuiu para os problemas da PS Vita foi a falta de novos jogos. A maioria dos jogadores estava animada para ver o que a PS Vita tinha a oferecer em termos de jogos novos e exclusivos, mas o lançamento de novos jogos foi lento. Com isso, os jogadores perderam o interesse e, quando jogos novos foram lançados, muitos dos jogadores não estavam mais interessados.

Outro fator que não ajudou a PS Vita foi o desempenho do console. Embora tenha sido apresentado como um dispositivo portátil de última geração, era complicado lidar com jogos de alta qualidade e o sistema frequentemente apresentava problemas de desempenho. Os jogadores não estavam satisfeitos com a experiência de jogo oferecida pelo PS Vita.

Além disso, a área de aplicativos também foi um desafio para a PS Vita. A demanda por aplicativos em dispositivos móveis é muito alta e muitos jogadores esperavam encontrar aplicativos populares no PS Vita. Infelizmente, a biblioteca de aplicativos era limitada e muitos aplicativos populares estavam indisponíveis para o sistema.

Com todas essas preocupações, a PS Vita não conseguiu atrair uma grande base de fãs e acabou sendo deixado de lado. A falta de investimento e de novos lançamentos fez com que muitos jogadores se afastassem, o que, por sua vez, afetou o sucesso do console. A PS Vita pode ter sido a esperança da indústria de jogos portátil, mas infelizmente, não foi capaz de superar as expectativas.

Em suma, a PS Vita sofreu problemas desde o seu lançamento. O preço elevado, a falta de novos jogos, os problemas de desempenho e a pouca variedade de aplicativos afetaram a experiência dos jogadores com o sistema. Infelizmente, a PS Vita não conseguiu se destacar na indústria portátil de jogos, um mercado cada vez mais saturado.